quinta-feira, 30 de outubro de 2014

nas nuvens ...

"Para descrever as nuvens
eu necessitaria ser muito rápida
 — numa fração de segundo
deixam de ser estas, 
tornam-se outras.

É próprio delas
não se repetir nunca
nas formas, matizes, poses e composição.
...

Não têm obrigação de conosco findar.
Não precisam ser vistas para navegar."


Wislawa Szymborska
simplesmentelis, outro blog 

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

gesto de viver

...
" A coragem no gesto de viver
está em coisas simples , por exemplo ,
na diária decisão de levantar.
E mais, em se vestir e trabalhar
por entre espadas, punhos e navalhas ,
peito aberto, sem armas , passo firme,
e à noite, ainda , intacto ,
 regressar."

Reynaldo Valinho Alvarez
outro blog, simplesmentelis

terça-feira, 28 de outubro de 2014

natureza_arte



" Sob o olhar do fotógrafo, a luz metamorfoseia
o seu estado.
A máquina fotográfica, qual crisálida de luz,
é instrumento de criação.
Fotografar é permanentemente modelar fronteiras,
 mesmo que essas fronteiras
seja fábulas, arribas ,terras e mares ... 
...
     a fotografia ,aproxima-nos ." 


João Castela Cravo
simplesmentelis, outro blog

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

... e a vida segue

(...)
Quem semeia misturas, mal pode colher trigo.
 Se uma nau fizesse um bordo para o Norte ,outro para o Sul,
outro para o Oeste, como poderia fazer  viagem?
Por isso nos púlpitos se trabalha tanto e se navega tão pouco.
Um assunto vai para um vento ,outro assunto vai para outro vento;
 que se há de colher senão vento?
( ... )

Pe. Antonio Vieira


sexta-feira, 24 de outubro de 2014

devaneios



"Onde habito permanentemente
É num quadro. Quando a luz
Das manhãs se difunde nas cores
Que invadem a tela e o teu corpo
Róseo respira ainda o sabor
Dos frutos de outono, o vinho
Decomposto na seiva líquida
Dos arrozais onde debicam as aves."

Francisco Duarte Azevedo
outro blog, simplesmentelis

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

som do mar


"Azul , azul, azul ,
o mar fraqueja
Em orlas brancas pela praia afora
Só esse som, alegre e antigo ,
 rumoreja
No lúcido silêncio desta hora.
O mais _quietude,
 e no horizonte 
ralo
Um nevoeiro, bruma 
ou ilusão
... 
Fernando Pessoa


simplesmentelis, outro blog

terça-feira, 21 de outubro de 2014

arandelas

(...)
"Subiu as escadas ,para perguntar sobre as palavras
derrubadas pelo meu sotaque
afirmei que meu amor é
como um móbile
perdido em arandelas,
...
se perguntasse sobre a
 fertilidade , os pernilongos,
a falta de sorte
responderia que meu amor
é forte,
 chacoalha as árvores
sempre que parte."

Ana Guadalupe
outro blog, simplesmentelis

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

floral


"É isso. É primavera.
estou feliz, em febre.
Outros
polemizam suas dores.
Eu me polemizo 
ou polemizo
_com as flores."

Affonso Romano Sant'Anna


simplesmentelis, outro blog

sábado, 18 de outubro de 2014

a tecer fios de segredo

'Setenta varandas na casa
 e nenhum botão.'
"a noite é curta, eu sei 
e meu olhar alcança 
mais que as estrelas 
teu desejo tem corpo e alma 
ritmados 
deixa na pele o gosto de manhãs 
adormecidas 
de um tempo ancestral 
que imobiliza 
fere e transborda 
temporal 

na pele um segredo "

margoh
simplesmentelis, outro blog

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

texturas


"Na cálida textura de um rochedo. Devo gritar.
Digo para mim mesma.

Mas ao teu lado me estendo
Imensa. De púrpura.
De prata.
 De delicadeza. "

Hilda Hilst
simplesmentelis, outro blog